segunda-feira, 9 de maio de 2011

Dica para bordar o ponto caseado no papel termocolante.

Gente, o trabalho com papel termocolante é um dos meus preferidos pela rapidez de resultado, mas os dedos doem muito para furar o papel durante o bordado. Eu encontrei uma solução... Uso esta pecinha de desfazer costuras... e faço todos os furinhos antes de bordar... coloco o tecido sobre a mesa de passar roupa, um local macio e que não se danifica com os furinhos.
Depois mãos à obra... dá pra levar na bolsa e bordar enquanto conversa com as amigas, mãe, enquanto vê um filme...enfim onde você quiser.
E aí? Gostaram? Como vocês fazem?
Beijocas no coração! Até breve, se Deus quiser!!!
EM TEMPO: A pedido de algumas leitoras, postei AQUI a técnica de patchcolagem com papel termocolante. É super fácil. Depois contem pra mim o que acharam, tá? Beijos de novo... :)

"Entrega o teu caminho ao Senhor, confia n'Ele, e o mais Ele fará".
Salmo 37

18 comentários:

si disse...

que lindo que fica este trabalho...e gostei da dica amiga...:)
um grande abraço sisi

Julia Susigan disse...

Lindo ... Lindo ... Lindo ...

Comecei a pouco tempo postar sobre as minha artes ...
Já estou te seguindo...

Quando puder .. dá uma passadinha por lá tbm >> http://artesdejulia.blogspot.com/

Beijos e até mais !
Julia

Micheline matos disse...

Olá vc passou no meu blog e deixou a mensagem que deseja meu contato, aqui te passo, um abraço, aguardo, Mi
michelinematos@yahoo.com.br

Rosana Francisco disse...

ai eu quero o pap amiga esse eu num sei fazer não.., se faz isso pra gente????bjossssss Ro

Aline Marques disse...

Oie !!!

Amei a dica, estou justamente neste momento, com trabalhinhos em andamento, bem de apliquê e sua dica veio super a calhar...

Estou com 2 toalhinhas de mão para presentear dois piazinhos gêmeos com festinha para o dia 22/05 e também 2 toalhinhas de mão para presentear duas gatinhas gêmeas com festinha para o dia 15/05.

Engraçado como gêmeo atrai gêmeo... hihi

Amei a dica, vou aproveita-lá e muito. Obrigada por partilhar com a blogosfera.

Beijinho, mil felicidades pra ti.


Aline Marques

Beth disse...

Sou sua seguidora e não tenho nenhuma habilidade manual, posso postar seus trabalhos no meu blog, são lindos

Elaine Rodrigues disse...

Olá Maria Lúcia,
Amei a dica, vou usá-la me breve, pois vou fazer um jogo de cozinha com aplicação.
Valeu por compartilhar!
bjos
Elaine

Beth disse...

Oi Lúcia.
Gostei dessa dica!!Eu costumo machucar os dedos quando vou casear e acabo demorando muito para terminar o trabalho!
Tenha uma semana de bençãos!!
Bjs minha querida.

Doce Ateliê disse...

Bom dia amiga amada,
esse tecido é um sonho de lindo e suas dicas, preciosas.
Te desejamos um dia todo especial.
Beijo com carinho de suas amigas do Acre

Andreia disse...

Oi Maria Lúcia,

Amei a dica. Vou comprar um desses :)
Depois te conto.
Beijo e ótimo dia querida

Deia
http://universoemcores.blogspot.com

Leide Almeida disse...

oi flor, vim retribuir sua visitinha... o blog tava de folga..kkk... adorei esta dica, obrigada por compartilhar.... bjokas e ótima semana

Izabel Biali disse...

Olá Querida amiga,
Adorei a dica, pois eu passava aquele trabalho de doer os dedos.
Obrigada.
Beijo
Izabel

Rosana Remor disse...

Que ideia boa!!Eu faço pat,mas nunca tinha usado este instrumento!AMEI,BJS!!

Adriana disse...

Que massa a sua ideia!!!! AMEIII!!!

BJSSSS

Daniele disse...

Menininha mágica!!!!
Como eu não pensei nisso antes???

Claro! Eu não tenho toda essa sabedoria...rs

No último trabalho que fiz, desisti de casear à mão e apelei para máquina de costura, mas com a sua dica...hum...gostei.

Obrigada por compartilhar.
Bjs

Maria Célia disse...

Oi Maria Lúcia, bom dia
Como sou uma negação em trabalhos manuais, achei difícil, não vou saber fazer de jeito nenhum.
Bjo

Valéria disse...

Olá,
Sua idéia é ótima, e esse trabalho é lindíssimo!
Obrigada pela dica.
Beijos
Valéria

Cidália Artes disse...

MAs garota, que dica maravilhosa justamente hoje quando peguei, tentei, embolei e joguei kkkk. Mas amanhã tento novamente com essa dica acho q agora vai rs. obrigada por sua existência mesmo que virtual. beijos